Publicado em Deixe um comentário

Nova Zelândia

nova zelândia

O país de todas as fantasias!

A Nova Zelândia possuí um time de curiosidades que nenhum outro país possuí.

Ir para Nova York, Alemanha, Inglaterra e outros países considerados como “o mesmo caminho” em relação a culturas e línguas, a Nova Zelândia trás novidade de todos os lados.

Desta vez, queremos deixar você completamente imerso neste incrível mais. Vamos viajar?

Super curiosidades da Nova Zelândia

  • Existe uma quantidade significativa de ovelhas na Nova Zelândia. Podemos até mesmo dizer que o número deste animal chega até perto (ou ultrapassa) da quantidade de seres humanos;
  • Diferente da Austrália, a Nova Zelândia não conta com nenhum tipo de cobra. Pra eu que sempre tive medo, essa informação é sempre muito boa;
  • Lembra aqueles episódios da obra “Mr. Bean” onde ele dirige seu carro do lado direito? Pois é! Na Austrália, Inglaterra e Nova Zelândia, os carros são feitos com o banco de motorista incluso na direita;
  • Não é incomum você achar vilarejos antigos que falem maori em sua grande maioria. Afinal, as línguas oficiais por lá são o inglês e o maori;
  • Sabe o famoso Bunguee Jump? Bom, ele não foi criado na Inglaterra. Foi AJ Hackett que trouxe isso lá da Nova Zelândia;
  • Maoris costumam ser realmente próximos: eles costumam encostar suas testas ou seus respectivos narizes, fazendo o cumprimento de corpo e alma;
  • Poluição? Quase impossível: na Nova Zelândia, eles possuem um alto nível de monitoramento e sustentabilidade;
  • Este maravilhoso país foi escolhido para filmes diversas cenas do meu filme preferido: O Senhor dos Anéis.
Publicado em Deixe um comentário

Viajando para Itália

Italia

Itália! Quem é que nunca quis conhecer, não é?

coliseu

Viajar para Itália, assim como pra muitas pessoas, é um verdadeiro sonho: lugares incríveis, vistas magnificas, comidas que só um verdadeiro italiano pode fazer.

Para você sentir um pouco do gosto deste maravilhoso pais, nossa equipe viajou para os principais lugares. Logo, nesta postagem, vou trazer um pouco mais sobre cada lugar. Vamos viajar?

A simpática Perugia

Trata-se da capital de Umbria (bonito nome, não é?), possuindo um centro histórico mais medieval no monte alto, entrando mais como uma medida mais protetiva nas batalhas dos séculos atrás.

Por contemplar um fluxo menor de turistas, é possível conseguir um pouco mais de sossego nesta área. Afinal, os centros gerais da Itália são sempre muito cheios.

Quer uma dica? Quando for para este lugar, tente ir com o estomago vazio. As cantinas italianas que estão lá são simplesmente maravilhosas para se visitar.

Se encantando com a Norcia

Para chegar nessa cidade, você precisa pegar um carro alugado ou um ônibus. Porém, nem de perto tira a incrível beleza que este lugar apresenta. É realmente incrível.

Tanto São Bento quanto sua irmã, Escolástica, nasceram neste maravilhoso lugar. Para curiosos, a criação da Ordem dos Beneditos só aconteceu graças a ele.

Roma: preciso dizer mais algo?

Para conhecer esse incrível lugar por completo, você vai precisar de pelo menos três dias para vagar por lá. Essa capital existe desde os tempos de César, não mudando em nada até hoje: você pode entrar em suas extraordinárias igrejas e desfrutar de seus patrimônios culturais, ou simplesmente andar nas ruas e ver todo o estilo de arte do local.

Roma tem um charme realmente especial para os visitantes, sendo quase irresistível fazer um namorico escondido.

Meu lugar preferido? Sem dúvida nenhuma como amante de artes marciais e toda a história de luta, o Coliseu é o melhor de todos os lugares. Trata-se de uma das atuais maravilhas de todo o mundo, encantando todos principalmente pelo seu grande tamanho.

Pela manhã, você consegue ter um acesso melhor a todos os lugares que quer visitar. Durante a tarde, as coisas começam a ficar um pouco mais cheias, impedindo o trânsito comum.

Publicado em Deixe um comentário

Japão

Japão

Chegou a hora de presentear os amantes da cultura japonesa.

Nossa equipe viajou para lá recentemente, e conseguimos elencar diversas curiosidades que aprendemos no próprio território japonês. Na postagem de hoje, vou mostrar algumas curiosidades que você certamente nem imaginava.

Antes de começar o artigo, você já pode conferir antecipadamente se vale a pena ou não morar no japão.

As maiores curiosidades do Japão

continente
  • Quando o assunto é ficar doente, eles sempre tomam muito cuidado

Você já viu aquelas máscaras que os japoneses (e coreanos) utilizam? Pois é! Quando o assunto é lutar contra a gripe e resfriados no geral, eles tomam bastante cuidado. Além disso, em vez de espirrar nas suas próprias mãos, eles espirram bem na dobrinha do cotovelo, preocupando-se no bem-estar do próximo;

  • Alta expectativa de vida

Em média, é possível estender sua vida para mais de 80 anos em plena saúde.

É correto afirmar que o Japão possuí a maior população de idosos de todo o nosso mundo, tudo isso graças a baixa natalidade junto a qualidade de vida ótima do país;

  • Os alunos são os reais responsáveis pela limpeza da escola

Sei que parece um grande mito, mas é real verdade: nas escolas japonesas, são os próprios alunos que são responsáveis por realizar a limpeza de todo o ambiente. Tudo isso é feito para guiar a criança para o respeito de onde vivem, aprendem e comem;

  • Mesmo com bastante gente, o Japão não atravessa fora da faixa

Se fosse aqui no Brasil também, seria incrível!

Não é costumo japonês atravessar a rua fora da faixa de pedestres quando o semáforo está fechado. Por conta disso, é muito comum ver pessoas imóveis antes do semáforo abrir (mesmo sem nenhum carro passando);

  • Tatuagens não são bem vistas

Infelizmente, isso é verdade.

No geral, as tatuagens não são vistas com bons olhos.

De maneira tradicional, elas eram utilizadas por conexões criminosas dentro do país, geralmente por integrantes da máfia japonesa. Devido a isso, principalmente para as pessoas mais velhas, a tatuagem é sempre mal sinal (independente do seu significado);

  • Sem dinheiro em mãos

Todo o dinheiro, em mercados, é colocado em uma caixinha no caixa. Tudo isso acontece para evitar contato físico, conservando a higiene e o respeito entre as pessoas;

  • Uso de bolsas masculinas

Os homens usam bolsas em suas respectivas rotinas diárias. Logo, não é raro enxergar um homem na rua carregando uma bolsa igual das mulheres;

  • Os cigarros

É proibido fumar durante a passagem das ruas.

Muitas calçadas exibem diversos comunicados proibitivos.

Para os fumantes, existem lugares adequados para tal. São conhecidos somente como “fumódromos”.

  • O país das bicicletas

É completamente comum você encontrar alguém andando de bicicleta, não importante se é jovem ou idoso.

Existem diversos ciclovias e ciclofaixas onde pedestres e ciclistas respeitam bastante, sempre estimulando a sustentabilidade e o trânsito de maneira geral. Afinal, por conta do tamanho das cidades, seria um problema se cada cidadão japonês optasse por andar de carro.